Tudo_sobre_cinemaFelizmente para os cinéfilos, obras sobre cinema e com listas dos “melhores” filmes, diretores e atores hoje enchem as prateleiras de qualquer livraria bem estruturada. O diferencial de Tudo Sobre Cinema é o capricho na edição e a preocupação em apresentar de forma didática e clara um panorama geral da história do cinema desde o século XX. É uma enciclopédia, no fim das contas, mas longe de ser burocrática ou maçante.

Todo o material é apresentado em ordem cronológica, organizado tematicamente por região ou gênero. Em geral, o livro é formatado em capítulos, como “Os primeiros épicos” ou “Heroínas do cinema mudo”, por exemplo, em artigos de duas ou quatro páginas. No rodapé da página há sempre uma linha do tempo que apresenta os principais acontecimentos da década, referentes à temática do capítulo.

O mais interessante é que cada capítulo é seguido por um ou dois filmes que são “destrinchados” e que mostram, na prática, as características de determinada época ou gênero. Há sempre um pequeno artigo sobre o filme e as cenas mais marcantes da produção, acompanhadas de fotos e um breve perfil do diretor ou do ator/atriz que viveu o protagonista. Por isso o aspecto didático da obra: é como se estivéssemos assistindo a uma aula em que, ao final, o professor apresenta um exemplo para comprovar tudo o que foi dito até então.

“Em Tudo Sobre Cinema, optamos por uma série de tomadas de introdução, cada uma apresentando uma fase significativa ou um elemento na história da sétima arte – uma década crucial, uma tendência, um gênero ou o ponto alto na produção de determinado país ou região -, antes de partir para os close-ups de filmes marcantes do momento em questão”, diz na introdução do livro o editor Philip Kemp.

 Livro traz raio-x de filmes que marcaram determinada época ou gênero.

As ilustrações, cartazes e fotos de bastidores são abundantes, sendo que nenhuma imagem escapa de ter uma legenda que a situe no contexto do capítulo – mais uma preocupação dos autores em agregar informação ao livro, ao contrário de muitas obras por aí, que são somente uma colagem de fotografias. Tudo Sobre Cinema tem 576 páginas, pesa um bocado e, por isso, apesar de permitir uma leitura não-linear, não é daqueles livros que se leva na mochila ou na bolsa para folhear dentro do ônibus ou no intervalo do almoço. Características que o tornam de fato uma ferramenta de estudo, para ler com calma em casa. Satisfação cinéfila garantida.

Onde comprar: CulturaSaraivaCuritiba e no Submarino.

Créditos – Rafael Waltrick

Anúncios