Depois de se mudar com sua família de Chicago para a floresta de Oregon para supervisionar o trabalho de construção de uma casa “ecologicamente correta“, Dan Sanders (Brendan Fraser) pensa que seu maior problema é lidar com a fobia pela natureza de seu filho adolescente. Ou agüentar seu exigente chefe.

Mas quando sua atividade exige destruir o habitat local dos animais que ali vivem, ele entra na lista negra dos bichos e está para descobrir quanta confusão um bando de criaturas da floresta pode causar. Eles sabotam o trabalho de Dan dia e noite, colocando sua carreira em risco e iniciando uma divertida batalha entre homem contra a natureza.

Sem complicações, Deu a Louca nos Bichos aposta em trapalhadas, enganos e empatia do público com as vítimas. À exceção de Brendan Fraser, os atores sequer têm de trabalhar muito para dar vida a seus personagens, que servem apenas de contraponto ao protagonista.

Do elenco coadjuvante, o destaque é Samantha Bee, comediante da equipe do The Daily Show With John Stewart, o elenco conta ainda com Brooke Shields, Ricky Garcia. Já está mais do que na hora da canadense ganhar um personagem grande no cinema.

Ah, aos espectadores que buscam um filme que valha a pipoca, o ingresso e ainda passe uma mensagem, Deu a Louca nos Bichos também não se esquece dessa faixa do mercado. Nas entrelinhas, o filme condena quem não se relaciona de maneira harmônica com a natureza, já que os percalços de Dan são retratados como punição. Simplista. Mas tudo que Deu a Louca nos Bichos não quer é ser minimamente complicado.

Créditos: cineclick

Anúncios