O grupo que está tentando salvar o letreiro ícone de Hollywood das garras de um projeto imobiliário terá 16 dias para arrecadar um milhão e meio de dólares que ainda faltam para comprar o terreno nas montanhas ao norte de Los Angeles, informaram nesta quarta-feira seus promotores.

O grupo sem fins lucrativos Trust for Public Land e o vereador da cidade de Los Angeles, Tom LaBonge, tentam há dois meses arrecadar 12,5 milhões de dólares para comprar os quase 56 hectares pertencentes a um grupo de investidores com sede em Chigago, que pretende construir um complexo de quatro mansões de luxo onde estão instaladas, desde 1923, as famosas letras brancas.

Na campanha para salvar o letreiro ícone da capital, participaram estrelas como Steven Spielberg, Rita Wilson e Tom Hanks. O famoso anúncio, em várias ocasiões foi objeto de campanhas para resgatá-lo de investidores imobiliários ou restaurá-lo, como em 1978, quando o fundador da Playboy, Hugh Hefner, criou uma fundação para reparar as letras.   Copyright © 2010 AFP

Anúncios